vitalmais saúde emocional dos familiares
A importância de cuidar da saúde emocional dos familiares

Quando um ente querido adoece e demanda de cuidados com saúde física e/ou mental, a família costuma ser um grande apoio, oferecendo cuidados e um ambiente seguro.

Porém, dependendo do quadro do paciente e do preparo da família, a rotina pode se tornar muito desgastante e desafiadora.

Não são tarefas apenas de cuidado, e mesmo contando com ajuda especializada, como enfermeiros e cuidados, a família passa a ter sentimentos sobre aquela situação e precisar trabalhar com eles.

Alguns dos sentimentos mais comuns quando um familiar adoece: tristeza, ansiedade, falta de esperança, cansaço, raiva… Também existem os bons sentimentos quando há melhoras no quadro.

Entretanto, tudo isso gera uma montanha-russa de sensações, podendo levar ao esgotamento emocional e também prejudicar relacionamentos familiares.

Separamos aqui um pouco do que a família pode fazer neste momento, porém em alguns casos é necessário procurar uma ajuda profissional que cuide da mente e prepare os familiares para essa nova rotina.

vitalmais saúde emocional dos familiares

É importante que cada familiar cuide de sua própria saúde antes de estender a mão para o próximo, lembrando da famosa frase de avião “coloque a máscara primeiro em você”. Destacamos aqui o papel do autocuidado.

A saúde emocional dos familiares depende do oxigênio que vem através desta máscara.

Muitas vezes os familiares ficam com tantas tarefas que falta o tempo para cuidar de si, mas esquecem que se não estiverem bem não vão conseguir cuidar do próximo.

Alguns dos sintomas do esgotamento emocional: brigas familiares, impaciência, depressão, ansiedade, insônia e frustração.

Não negligencie a sua saúde, o seu familiar precisa de você, mas ele precisa de você tranquilo e equilibrado. Lembre-se quais são as suas necessidades básicas de cuidado, como:

  • Cuidar de plantinhas;
  • Passar um tempo a sós;
  • Ter uma rotina de beleza;
  • Sair com um amigo;
  • Praticar um esporte;
  • Comer saudável.

Essas são só algumas sugestões para o cuidado da saúde emocional dos familiares, porém o autocuidado vai além de dicas prontas, cada pessoa tem o que faz ela feliz e de bem com a vida.

Entretando, se ainda assim você não se sentir bem, procure um suporte psicológico.

A VitalMais oferece todo apoio profissional necessário para cuidado HomeCare, pode contar com a gente também!